Hoje vi(vi) um filme: MONSTRA'13: Kirikou, les Hommes et les Femmes

sexta-feira, 15 de março de 2013

MONSTRA'13: Kirikou, les Hommes et les Femmes

*6/10*

Mais um dia de MONSTRA e mais um filme da Competição Internacional: Kirikou, les Hommes et les Femmes (Kirikou, os Homens e as Mulheres) animou a tarde de Quinta-feira na sala Manoel de Oliveira, no Cinema São Jorge. Repete no próximo Sábado, no Cinema City Alvalade.

Realizado por Michel Ocelot, Kirikou, les Hommes et les Femmes é já o terceiro filme sobre o pequeno Kirikou e a sua aldeia. Tudo nos é apresentado pelo velho avô que nos acolhe na sua caverna para contar algumas das suas histórias. São contos sobre a infância de Kirikou e sobre como ele ajudou os homens e mulheres da sua e de outras aldeias. Foi ele que ajudou, com a sua coragem e inteligência, Strong Woman, cujo tecto da casa havia sido destruído pela bruxa Karaba e encontrou o ancião da aldeia quando este estava perdido. Mas também uma flauta, uma contadora de histórias e um "monstro azul" que todos desconhecem marcaram a infância de Kirikou.

Dividida em cinco narrativas, a longa-metragem francesa de animação assume um estilo de divisão por episódios ao mudar, constantemente, de história para história, o que não a favorece enquanto produto cinematográfico, aproximando-o mais ao género televisivo. Sente-se uma quebra na acção, e o estilo não consegue cativar a plateia como seria de esperar.

Por outro lado, a animação é interessante e divertida, e argumentativamente há valores bem vincados a serem transmitidos a um público mais jovem. No meio de momentos de muita fantasia - as mascotes da bruxa são  talvez o seu expoente máximo - e de personagens curiosas, Kirikou, les Hommes et les Femmes consegue proporcionar algumas gargalhadas e simpatia.


O realizador Michel Ocelot tem também o seu primeiro filme de Kirikou no programa desta edição do Festival de Animação de Lisboa. Trata-se de Kirikou et la Sourciere, que data de 1998, e será exibido no próximo Domingo à tarde no Cinema São Jorge.

Sem comentários: