Hoje vi(vi) um filme: LEFFEST'15: Dazed and Confused, de Richard Linklater (1993)

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

LEFFEST'15: Dazed and Confused, de Richard Linklater (1993)

*7.5/10*

O LEFFEST'15 organizou uma retrospectiva, apresentando uma selecção de filmes de realizadores pertencentes à comunidade de Austin, Texas - uma das maiores e mais heterogéneas comunidades criativas dos Estados Unidos -, sendo Richard Linklater um desses nomes.


Se, em 1991, Slacker, a primeira longa-metragem de Linklater, colocou definitivamente Austin no mapa no que toca à produção e realização de cinema contemporâneo independente e de baixo-orçamento, o filme que se seguiu, Dazed and Confused, volta ao local e afirma o percurso e o estilo inicial do realizador.

Em foco está a juventude dos anos 70. Viajamos no tempo até Maio de 1976, e acompanhamos as aventuras, loucuras e peripécias dos adolescentes no último dia de aulas.

Desde os caloiros praxados pelos mais velhos, aos abusos do álcool, das drogas e ao desejo de fazer conquistas, terminamos a noite em festa, numa rotina de despedida do ano lectivo. A narrativa é assim mesmo: simples, linear e totalmente regida pelo tempo que passa e pelos acontecimentos que nos traz.


É um retrato de uma geração numa época muito específica, em Austin. Com o passar do dia, assistimos às situações mais absurdas, inacreditáveis mas especialmente bem construídas, com um humor certeiro. Os estereótipos estão naquelas personagens que tão bem sabem jogar com eles, parodiá-los, mantendo sempre uma curiosa plausibilidade.

Curiosamente, Dazed and Confused foi o filme que trouxe Matthew McConaughey para a ribalta e onde podemos encontrar, muito jovens, Ben Affleck e Milla Jovovich.

Sem comentários: