Hoje vi(vi) um filme: Estreias da Semana #168

sábado, 16 de maio de 2015

Estreias da Semana #168

Esta Quinta-feira, e no rescaldo da Festa do Cinema, chegaram às salas nacionais nove filmes. O regresso às salas de três longas-metragens de Paulo Rocha (Os Verdes Anos e Mudar de Vida em versões digitais restauradas) e Mad Max: Estrada da Fúria marcam a semana.

Bobô (2013)
Sofia vive isolada num velho apartamento de família onde até o pó parece ser preservado. A pedido da sua mãe chega Mariama, uma jovem guineense, para ajudar a cuidar da casa e do seu filho. Mas onde está este filho que nunca vemos? Bobô, irmã mais nova de Mariama, vai despertar em Sofia uma vontade de sair do casulo. Atrás do seu sorriso confiante, Mariama atormenta-se com a ameaça da mutilação genital feminina a que Bobô está prestes a ser submetida… O encontro entre Sofia e Mariama fá-las confrontarem-se com os seus fantasmas.

Chique! (2015)
Chic!
O luxo, a moda, o estilo, os perfumes: a excelência francesa e muito mais, parisiense. Neste filme, o ambiente de vida sofisticado e atribulado desta movimentada comédia irá conduzir-nos através de dois mundos opostos. Fraquezas, paixões, confrontos, sinceridade, afinidades e muitos mais são os aspectos pelos quais se regem os protagonistas da história.

É Difícil Ser Um Deus (2013)
Trudno Byt Bogom
É difícil ser um deus: sobretudo se cairmos, como extraterrestres, num planeta igual à Terra, e formos aclamados como divindades num tempo vivido há 800 anos. O filme pega num livro de Arkady e Boris Strugatsky e no conflito entre dois mundos – o conhecimento de toda uma evolução cognitiva e o desejo de a impor no tempo das trevas – para servir de estudo sobre a natureza humana. Planeado durante quatro décadas, o último filme do realizador russo Aleksei German foi terminado, depois da sua morte em 2013, pelo seu filho e realizador Aleksei German Jr

Mad Max: Estrada da Fúria (2015)
Mad Max: Fury Road
Perseguido pelo seu turbulento passado, Mad Max acredita que a melhor forma de sobreviver é não depender de mais ninguém para além de si próprio. Ainda assim, acaba por se juntar a um grupo de rebeldes que atravessa a Wasteland, numa máquina de guerra conduzida por uma Imperatriz de elite, Furiosa. Este bando está em fuga de uma cidadela tiranizada por Immortan Joe, a quem algo insubstituível foi roubado. Exasperado com a sua perda, o Senhor da Guerra reúne o seu letal gang e inicia uma impiedosa perseguição aos rebeldes e a mais implacável Guerra na Estrada de sempre.

Mudar de Vida (versão digital restaurada) (1967)
Uma praia de pescadores, o mar que a pouco e pouco vai conquistando a terra. A luta do homem com o mar e sobretudo a luta entre a tradição e o progresso. No centro do drama estão as relações sentimentais, difíceis e quase absurdas que unem um pescador, Adelino, de regresso da guerra de África, e duas mulheres, Júlia, uma mulher do mar (à moda antiga), e Albertina, uma operária misteriosa e selvagem. Voltando do Ultramar, Adelino encontra Júlia, a sua antiga namorada, casada com o seu irmão. O drama surge…

O Sapateiro Mágico (2014)
The Cobbler
Um solitário sapateiro de Nova Iorque (Adam Sandler) costuma arranjar os sapatos de clientes experientes na arte de viver. Juntamente com o seu amigo barbeiro (Steve Buscemi), espera ansiosamente por ter a sua própria aventura, mas enquanto isso não acontece vê a sua vida passar diante dos seus olhos sem conseguir fazer nada. Quando recebe uma generosa herança de família, surge a possibilidade deste sapateiro assumir outro papel e ver o mundo de uma forma diferente.

Os Verdes Anos (versão digital restaurada) (1963)
Um rapaz de 19 anos, Júlio, vem para Lisboa a fim de tentar a sua sorte como sapateiro. No dia em que chega à capital, um acidente fá-lo conhecer Ilda, uma rapariga da mesma idade, empregada doméstica num prédio perto do local de trabalho de Júlio.

Prisioneira (2014)
The Captive
A adolescente Cassandra (Alexia Fast) está presa contra a sua vontade, incapaz de comunicar à sua família que está viva. Oito anos antes, quando Cass tinha apenas nove anos e foi raptada da carrinha do pai, Matthew (Ryan Reynolds), ele contactou de imediato as autoridades que o viram como o principal suspeito. Hoje, o casamento de Matthew deteriorou-se e este continua a ser investigado pela polícia, que tenta decifrar o problema mas sem conseguir levar as pistas a algum sítio conclusivo. O tempo passou, mas quase nada mudou, e caberá a Mathew e à própria Cassandra reparar a distância que se instalou na família.

Se Eu Fosse Ladrão Roubava (2013)
Estamos nos anos vinte, um pequeno lavrador de S. Vicente vê o seu pai morrer com a peste que dizima o país. Alguns anos mais tarde, de todos os irmãos, Vitalino é o mais aguerrido e toma o lugar de homem da casa. Mas a aldeia onde vive é demasiado pequena para as suas aspirações, e decide rumar ao Brasil deixando as suas irmãs encarregues dos trabalhos da casa. Em paralelismo com a história de Vitalino entramos no mundo cinematográfico de Paulo Rocha, percorrendo os seus filmes e fantasmas ao longo destes anos. 

1 comentário:

Os Filmes de Frederico Daniel disse...

"Prisioneira": 2*

"Prisioneira" tinha tudo para ser um filme perfeito, mas é apenas razoável. "The Captive" teve cenas em que fiquei confuso, pois a história ia do passado ao presente e vice-versa.

Cumprimentos, Frederico Daniel.

PS, se fores ver o filme cuidado com os spoilers do trailer lol.